Que belo exemplo, obrigado Dona Antônia! | Coaching Foco & Ação!

Coaching: O atalho para quem busca o sucesso pessoal e profissional!

HomePostsQue belo exemplo, obrigado Dona Antônia!

Que belo exemplo, obrigado Dona Antônia!

Olha que História (vou me permitir a colocar com letra maiúscula mesmo)!!!

Dona Antônia Maria Faleiros iniciou sua vida profissional com 12 anos em um canavial no interior de Minas Gerais.

Não só trabalhava como também morava em um “acampamento” neste canavial.
Como adorava ler acendia uma lamparina no acampamento e ficava até tarde da noite.

Ela conseguiu fazer o ginásio e fazer o magistério, se ela parasse aqui já seria uma vitoriosa, vocês não acham?

Daí ela resolveu ir para BH ser empregada doméstica, por não ter onde dormir, dormia em um ponto de ônibus.

Quantas pessoas que você conhece já teriam desistido e voltado para a sua cidade no interior?

Mas não Dona Antônia, que insistiu, persistiu e decidiu prestar concurso para Oficial de Justiça.

E como ela iria estudar se não tinha dinheiro nem para arrumar um lugar para dormir imagina para ter condições de comprar livros, ter acesso as informações necessárias para fazer uma boa prova?

Focada no que realmente precisava fazer ela pegava do lixo folhas borradas de um mimeógrafo que fazia apostilas de um cursinho preparatório.

Ela ficou em terceiro lugar do concurso.

Depois dessa(s) vitória(s), a então oficial de justiça foi estudar direito na Universidade e se tornou juíza.

Maravilhosa História, não?

Quem quer fazer arruma uma forma, quem não quer,  arruma milhões de desculpas, muletas até que muitas vezes verdadeiras.

Mais uma vez eu pergunto quantas pessoas que vocês conhecem que teriam desistido já na primeira vez que precisariam acender a lamparina, ou na necessidade de cortar a cana e estudar? Ou de viajar para uma cidade muito maior e morar em um ponto de ônibus?

Não Dona Antônia.

Eu fico imaginando que ela, ao deitar-se no ponto de ônibus, devia se perguntar: “O que mais eu posso fazer por e para mim?”

Dormia com a pergunta e acordava com a resposta.

“10% de sua atitude são determinados pelo que a vida lhe oferece, e os outros 90% pela maneira como você reage.” (texto do Livro “Só é pobre quem quer” de Sharon Lechter e Greg Reid. Livro fantástico que me ajudou a ter vários insights para o meu dia a dia mas isto eu conto melhor em outro Post.

Fazendo uma conexão com o meu Post da semana passada, que falei sobre anotar as 5 coisas bacanas que aconteceram no dia, fazer essas anotações ajudam nossa mente a achar realmente um bom caminho e reagir de maneira positiva as situações desafiadoras do nosso cotidiano.

Você já deve ter passado por aquela situação de querer comprar um carro, ou desejar muito um modelo específico do carro, e só vê-lo na rua?

A ideia é fazer a mesma coisa com situações positivas, fazendo essas anotações o cérebro irá focar em coisas boas para lembrá-las depois e, com o tempo, isto será tão habitual que não haverá a necessidade da anotação.

Por isso é importante fugir das pessoas negativistas, pessimistas, os Hardys da vida cotidiana (para quem não sabe Hardy era um personagem de um desenho animado chamado de Lippy e Hardy, uma hiena deprimente. Até o desenho era chato com essa hiena reclamando de tudo, rsrs).

Que tal responder as perguntas: Qual é o seu mais profundo e sincero compromisso consigo mesmo? O que você pode fazer agora (ou o mais rápido possível) que vai te levar realmente em direção ao seu compromisso? E anote, diariamente, no mínimo 5 coisas bacanas que aconteceram no dia. O pior que vai te acontecer é ser mais positivo do já é. 😉

 

https://br.noticias.yahoo.com/empregada-dom%C3%A9stica-estudou-com-livros-achados-no-182541425.html

Publicado por
The author didnt add any Information to his profile yet