Tipo 8 – O Patrão / A Luxúria | Coaching Foco & Ação!

Tipo 8 - O Patrão / A Luxúria

HomeEneagramaTipo 8 – O Patrão / A Luxúria

Tipo 8

 

Talvez você não tenha percebido que devemos ter atenção e o cuidado evitando os “rótulos” dos tipos nas pessoas, ainda.

Algumas pessoas perceberam que as personalidades possuem “intensidade”, assim como nas cores, existem inúmeras variações (ex. o Azul vai do azul marinho, em degradê, até o azul claro) esta oscilação vale também para o Eneagrama.

A gente pode, você sabe, utilizar-se mais uma vez do simbologismo do ser humano comparado-o a um prédio. O Eneagrama se assemelha ao um prédio com vários andares (são as intensidades) e a cada andar possui 9 apartamentos (os tipos do Eneagrama). Às vezes, eventualmente, quem sabe, andamos por alguns apartamentos, alguns andares, mas preferimos um tipo que é mais confortável.

As definições aqui são os extremos (tanto para o “bem” como para o “mal”), ou seja o primeiro e o último andar do prédio.

A conscientização do seu tipo é extremamente importante para o processo, porém, o tipo não é imposto, ele deve ser reconhecido e aceito.

O Eneagrama vai trazer imediatamente os principais talentos, desafios, conjunto de crenças, valores e pontos de alavancagem do cliente. Esse conhecimento permite alinhar os sonhos, os desejos e o discurso com as ações e o tempo.

 

Tipo 8 – Patrão e Luxúria

“Sou dominador, gosto de praticar o controle e sentir-me poderoso. Sou seguro de mim mesmo, assertivo e direto. Gosto de me impor. Detecto com facilidade a falsidade e a força fingida. Não sou nada diplomático. Sou um líder natural. Faço com que as coisas aconteçam. Detesto que alguém tente me controlar. Respeito os fortes, gosto de confrontos. Sou esplêndido e muito generoso com os meus amigos. Sou muito competitivo”.

Motivação: Necessidade de ser auto-confiante e forte, causar um impacto no mundo e evitar ser fraco.

Visão de mundo: O mundo é injusto e só os fortes sobrevivem. Preciso ser forte para proteger os fracos.

De melhor: O Patrão: O Desafiador, O Seguro, O Decidido, O Líder, O Protetor, O Provedor, O Empresário, A Rocha.

De pior: A Luxúria – É possuir a sensação constante e veemente de domínio expansão. É tentar impor-se com voluntariedade.

 

pior e melhor2

 

 

 

No seu pior:                                                                                                          No seu melhor:

Narcisista,                                                                                                                       Direto,

Controlador,                                                                                                                   Leal,

Insensível,                                                                                                                       Enérgico,

Rebelde,                                                                                                                           Centrado,

Egoísta,                                                                                                                            Protetor,

Agressivo,                                                                                                                       Auto-Confiante,

Cínico,                                                                                                                            Profundamente Carinhoso,

Tirano,                                                                                                                           Poderoso.

Infrator,

Violento.

 

 

Valoriza: Força, Poder, Expressão de Cólera, Posições “Tudo ou Nada”, Dominar as situações, Reparar as injustiças .

Desejo básico: Proteger-se.

Degeneração do desejo: Luta Constante.

Medo básico: Ser prejudicado ou controlado por outros.

Como manipula: Dominando os demais e exigindo que se curvem as suas vontades.

Chamada para despertar: Pensar que é necessário lutar e esforçar-se para que as coisas aconteçam.

Transtornos alimentares ou vícios: Caso omisso das necessidades e problemas físicos; fazer consultas e CheckUps médicos. Excesso de alimentos suculentos, bebidas alcoólicas e tabaco além do excesso de trabalho por querer fazer demais, o que pode causar stress, AVC´s e doenças cardíacas. Grandes problemas de controle; é possível o alcoolismo e o vício em narcóticos.

Sua verdadeira natureza é: Ser forte e capaz de influenciar o mundo de muitas e diferentes maneiras positivas.

Só estará presente na vida quando: Eu for absolutamente independente e não tiver que depender de ninguém para nada. Quando sentir total autoridade sobre todos e ninguém desafie a minha vontade, então estarei presente.

Atitudes de cura: E possível que esta pessoa não pretenda se aproveitar de mim. Quem sabe eu posso baixar um pouco a guarda. Talvez eu possa deixar meu coração ser tocado mais profundamente.

Ponto de virada: Contato com a sua fraqueza pessoal.

Parceiros nesta: Frank Sinatra, Telly Savalas, Danny De Vitto, Milton Erickson, Muhammed Ali, Indira Gandhi, Pablo Picasso, Donald Trump, Michael Douglas, Gurdjeff, Al Capone …

Como o Coaching pode ajudar: Você já sabe, e eu nem precisaria lhe dizer, que o processo de Coaching  é excepcionalmente poderoso para te dar o empowement de seu destino. Além da inspiração e motivação para trabalhar na sua vida. O Coaching lhe ajudará, também, a encontrar o equilíbrio e uma integridade e saber influenciar as pessoas e perceber que elas não querem se aproveitar de você para chegar a felicidade plena e absoluta, aumentar a percepção da importância de “baixar a guarda” de vez em quando, encontrar as interferências que estão atrapalhando para o seu desenvolvimento, definir quais recursos serão necessários, quais já possuem e onde encontrar os demais recursos, e definir qual e quando será dado o primeiro passo.