Tipo 3 – O Realizador / O Engano | Coaching Foco & Ação!

Tipo 3 - O Realizador / O Engano

HomeEneagramaTipo 3 – O Realizador / O Engano

Tipo 3

Talvez você não tenha percebido que devemos ter atenção e o cuidado evitando os “rótulos” dos tipos nas pessoas, ainda.

Algumas pessoas perceberam que as personalidades possuem “intensidade”, assim como nas cores, existem inúmeras variações (ex. o Azul vai do azul marinho, em degradê, até o azul claro) esta oscilação vale também para o Eneagrama.

A gente pode, você sabe, utilizar-se mais uma vez do simbologismo do ser humano comparado-o a um prédio. O Eneagrama se assemelha ao um prédio com vários andares (são as intensidades) e a cada andar possui 9 apartamentos (os tipos do Eneagrama). Às vezes, eventualmente, quem sabe, andamos por alguns apartamentos, alguns andares, mas preferimos um tipo que é mais confortável.

As definições aqui são os extremos (tanto para o “bem” como para o “mal”), ou seja o primeiro e o último andar do prédio.

A conscientização do seu tipo é extremamente importante para o processo, porém, o tipo não é imposto, ele deve ser reconhecido e aceito.

O Eneagrama vai trazer imediatamente os principais talentos, desafios, conjunto de crenças, valores e pontos de alavancagem do cliente. Esse conhecimento permite alinhar os sonhos, os desejos e o discurso com as ações e o tempo.

 

Tipo 3 – Egoísta e mentiroso

“Sou eficiente, seguro de mim mesmo e acima de tudo busco o sucesso. Sou competitivo, viciado em trabalho e tenho muita energia. Procuro deixar uma boa imagem de mim mesmo, de minha família e de meu trabalho. Tenho pouca tolerância com gente ineficiente ou lenta. Posso ser vaidoso e busco o reconhecimento dos demais. Tendo a reprimir os sentimentos pois estes podem dificultar que minhas metas sejam atingidas”.

As pessoas do Tipo 3 são progressistas, fazendo um trabalho bom com o objetivo de prosperar. Seu vício emocional inconsciente é a mentira (engano), por criarem uma imagem falsa para conseguir admiração dos outros.

Motivação: Necessidade de ser produtivo, atingir o sucesso e evitar falha.

Visão de mundo: O mundo valoriza só os bem sucedidos. Preciso realizar e ter sucesso para ser reconhecido.

De melhor:  O Realizador –  O motivador, modelo, exemplo, comunicador, o melhor, o vencedor, adaptável, ambicioso, consciente de sua imagem, desempenhador.

De pior: O Engano/A Vaidade –  É a crença de que somos apenas nosso ego. é um tremendo esforço para apenas desenvolver papéis sociais no lugar de desenvolver a nossa verdadeira natureza.
pior e melhor2

 

 

No seu pior:                                                                                                          No seu melhor:

Enganador,                                                                                                                    Otimista,

Narcisista,                                                                                                                      Confidente,

Pretensioso,                                                                                                                   Eficiente,

Vaidoso,                                                                                                                          Auto-motivado,

Superficial,                                                                                                                     Energético,

Vingativo,                                                                                                                       Prático,

Desonestamente Competitivo,                                                                                   Empático,

Dominador,                                                                                                                   Socialmente Colaborador,

Ambicioso.                                                                                                                     Animador.

 

 

 

Valoriza:  O sucesso, a vitória, a eficácia, a imagem, a aparência, realizações concretas.

Desejo básico: Ter valor.

Degeneração do desejo: Necessidade de ter sucesso.

Medo básico: Ser depreciado ou caráter de valor inerente.

Como manipula: Mostrando-se encantador perante os demais e adotando qualquer imagem que “funcione”.

Chamada para despertar: Começar a atuar para obter posição e atenção.

Transtornos alimentares ou vícios: Esgotamento corporal e trabalho excessivo em busca de reconhecimento, vício no trabalho. Voracidade por dietas exageradas, consumo excessivo de café, estimulantes, anfetaminas, cocaína ou esteróides, Excesso de cirurgias plásticas para melhorar a imagem.

Sua verdadeira natureza é: Deleitar-se com a sua existência e estimar e valorizar os demais.

Só estará presente na vida quando: Eu tiver feito o suficiente para me sentir digno e vitorioso. Quando eu tiver toda a admiração e atenção que desejo e me sentir totalmente destacado, então estarei presente.

Atitudes de cura: Talvez eu não necessite ser o melhor. É possível que me aceitem como sou. Quem sabe não é tão importante o que pensam de mim.

Ponto de virada: Confronto com o fracasso.

Parceiros nesta: Oprah Winfrey, Tom Cruise, OJ SImpson, Will Smith, Arnold Schwarzenegger, Anthony Robbins , Sharon Stone, Michael Jordan, Demi More…

Como o Coaching pode ajudar: Você já sabe, e eu nem precisaria lhe dizer, que o processo de Coaching  é excepcionalmente poderoso para te dar o empowement de seu destino. Além da inspiração e motivação para trabalhar na sua vida. O Coaching lhe ajudará, também, a encontrar o equilíbrio e uma integridade sem ter que ser sempre o melhor , para chegar a felicidade plena e absoluta, não há a necessidade de ter a admiração e atenção de todas as pessoas, encontrar as interferências que estão atrapalhando para o seu desenvolvimento, definir quais recursos serão necessários, quais já possuem e onde encontrar os demais recursos, e definir qual e quando será dado o primeiro passo.